Add Explanation
Add Meaning
$album_name
$date_release
$writer_name
New! Read & write lyrics explanations
  • Highlight lyrics and explain them to earn Karma points.
Dealema – Nunca, Mesmo Nunca lyrics

Hб quem nгo veja evoluзгo
E tem noзгo como ganha-pгo
32 anos e estereo fusгo
A vida rouba o tempo
O tempo rouba-te a vida
Mas o tempo nгo existe quando a mente й criativa
Ensinado a ser idкntico, sou valioso
Respeitem o meu espaзo
O que eu faзo й grandioso
Filho da lua, a galope em busca de um sonho
Hб sete cгes a um osso
Mas eu visto a pele de um lobo
Nгo sou hipуcrita,
Unha negra nгo tem verniz
Quem й que realmente jб aprendeu a ser feliz!

Sou aprendiz, disseco o sentimento ao mбximo
De certeza absoluta o meu futuro й problemбtico (2x)

Sob esta febre manos, ok, passo a explicar
O sintoma desta doenзa que nos permite respirar
A magia de um verso
A longevidade do mesmo
A natureza de um conceito
A profundidade de um termo
O empenho pessoal, fнsico e mental de um individuo
Sabendo que o reconhecer do erro й um bem adquirido
Expansгo, quatro paredes alйm fronteiras
Interacзгo das massas entre tribos e cimeiras
O poder do vocбbulo metafуrico ou real concreto
O impacto quando a frase bate no momento certo
Um passo a frente mas observando bem de perto
Conteъdo inesperado como ganhos directo
Repleto de sentimento excкntrico num sonho de viver a 100%
Nгo a nнvel material
Eu pretendo tocar por dentro
Afastar as nuvens deste cйu cinzento
Que nos perseguem aos anos no espaзo e no tempo

Mergulho fundo no basto oceano criativo
Num mundo novo hiberno em estado meditativo
Nas aguas lнmpidas onde persigo obras-primas
Vejo cardumes de palavras alinhadas em rimas
Canalizo-as, verbalizo-as
Como uma ladainha
Com elas mudo vidas que mudam a minha
No reflexo permanente do que o espнrito deseja
Sem oferecer a sociedade a liberdade de bandeja
Porque a negatividade й sinуnimo de escuridгo
Transporto a luz
O meu diamante й o coraзгo
Estou consciente da missгo
Construo realidade com frases
Meu vicio sem reabilitaзгo
Sei que posso vir a ser
O que aspirar ser
Sempre com visгo poйtica presente no meu ser
E nunca, mesmo nunca te vou abandonar
Enquanto poder escrever e conseguir citar

Quero acordar sentir o prazer de viver
Fazer somente aquilo que eu adoro fazer
Cada dia menos a ganhar e mais a perder
Nesta vida de esperar o fim do mкs para receber
Sгo as escolhas que fazemos
Direita, esquerda, vida, morte, ganha e perda
Filho, tu йs divino
Ninguйm tem de ser escravo do destino
Nгo acredito
O pensamento colectivo
O meu caminho, espiritual, й individual
Vou ao encontro de um trilho
Que espera por ser seguido
Na selva urbana eu sobrevivo
Eu amo a musica nгo a industria
A salvaзгo face a erosгo da sanidade
Escrevo sem o medo de dizer a verdade
Tudo й vaidade
Tenho um encontro na cidade' com a mъsica.



Lyrics taken from http://www.lyricsmode.com/lyrics/d/dealema/nunca_mesmo_nunca.html

  • Email
  • Correct

songmeanings

      Write about your feelings and thoughts

      Know what this song is about? Does it mean anything special hidden between the lines to you? Share your meaning with community, make it interesting and valuable. Make sure you've read our simple tips.
      U
      Min 50 words
      Not bad
      Good
      Awesome!
      This page is missing some information about the song. Please expand it to include this information. You can help by uploading artist's image, adding song structure elements, writing song meaning or creating lyrics explanation.

      Featuredlyrics

      Explain

      [an error occurred while processing the directive]