Add Explanation
Add Meaning
$album_name
$date_release
$writer_name
New! Read & write lyrics explanations
  • Highlight lyrics and explain them to earn Karma points.
Deolinda – Canção Ao Lado lyrics

Desculpem todos os homens estudantes,
Espнritos poetas, almas delicadas.
A falsidade do meu gйnio e das minhas palavras.
E й daн a liзгo que eu canto,
Cada vida um espanto que й do bela graзa,
Mas eu sу ambiciono arte de plantar batatas.

-Desculpem lб qualquer coisinha
Mas nгo estб cб quem canta o fado.
Se era pra ouvir a Deolinda,
Entraram no sнtio errado.
Nуs estamos numa casa ali ao lado.
Andamos todos uma casa ao nosso lado.

Bem sei que hб trolhas escritores,
De trato estucadores e serventes poetas;
E poetas que sгo verdadeiros pedreiros das letras.
E canta em arte genuнna o pescador humilde,
A varina modesta;
E tanta vedeta devia dedicar-se а pesca.

[Refrгo]

Por nгo fazer o que mais gosto
Eu canto com desgosto, farto de aqui estar;
E algures sei que alguйm mal disposto
Ocupa o meu lugar.
Ninguйm estб bem com o que tem...
Й sempre o que vem que nos vai valer;
Porйm quase sempre esse alguйm nгo й quem deve ser.

[Refrгo]

E й a mudar que vos proponho!
Nгo й um posso medonho em negras utopias;
Й tгo simples como mudarem de posto na telefonia.
Proponho que troquem convosco e acertem com a vida!



Lyrics taken from http://www.lyricsmode.com/lyrics/d/deolinda/cano_ao_lado.html

  • Email
  • Correct


Music Facts about Deolinda and "Canção Ao Lado" song

Canção Ao Lado meanings

      Write about your feelings and thoughts about Canção Ao Lado

      Know what this song is about? Does it mean anything special hidden between the lines to you? Share your meaning with community, make it interesting and valuable. Make sure you've read our simple tips.
      U
      Min 50 words
      Not bad
      Good
      Awesome!
      Explain